terça-feira, 21 de agosto de 2007

Farpas por instinto


Farpas por instinto


Há muito tempo, durante uma mudança achei as antigas fotos das ex-namoradas do meu marido, Eu não sabia que tinha super poderes, chega a ser uma certa virtude de conseguir achar defeito em TODAS, até nas que não tem, em um único olhar ,consigo achar aquela banha escondida, o unheiro nojento e até aquele sinal terrível de nascença.
Parece que durante um certo período eu desenvolvo visão de lupa, e justamente naquele dia, eu estava atacada, com meus super poderes à flor da pele, uma não tinha batata da perna, outra tinha boca de passarinho, outra tinha queixo demais parecia uma gaveta aberta, outra era anã...hahahaha

Na verdade, eu estava ovulando...

Uma Pesquisadora canadense defende que mulheres agridem a beleza das outras por instinto. Próximas da ovulação, elas ficam ainda mais perigosas
Por Simone Muniz.
De boas moças elas não têm nada. Pelo menos quando o assunto é beleza, as mulheres trocam farpas por instinto, defende pesquisadora canadense. E se estão próximas da ovulação, a tendência é que a competição fique ainda mais acirrada. Com as garras afiadas, elas tendem a rebaixar a beleza das outras. A psicóloga Maryanne Fisher, da Universidade de York, em Toronto, afirma que não é a guerra para conquistar o sexo oposto e que os homens, por sua vez, são menos cruéis com seus pares, defende Maryanne. Segundo ela, é da natureza feminina desaprovar a imagem de outras mulheres para afirmar a própria. "Quando a mulher quer ferir a outra, ela faz uma observação cruel sobre como o tornozelo dela é gordo", exemplificou Maryanne Fisher. Uma possível interpretação antropológica para essa competitividade pela beleza está na valorização cultural do corpo feminino. "Ao serem perguntados sobre o que preferem nas mulheres, os homens escolhem características físicas diretas como a bunda, o rosto. Já as mulheres enfatizam que são atraídas pelos atributos físicos indiretos do homem, como o charme, a elegância, o sorriso, o cheiro, a voz", explica a antropóloga Mirian Goldenberg, que comprovou essas idéias em pesquisa pelo Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da UFRJ, que questionou 1279 homens e mulheres entre 20 e 50 anos. Mirian descobriu que a característica que as mulheres mais invejam em outras do mesmo sexo é a beleza e o corpo. Já o sexo masculino, em geral, segundo a pesquisa de Mirian, relata que a inteligência e o poder econômico provocam neles mais inveja do que a beleza ou o corpo de outro homem.
beijos e até +
você está ovulando? que medoooo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário