sábado, 29 de novembro de 2014

O que estou fazendo errado?

Oi bacanudas,

Todas Nós já nos perguntamos: "O que há de errado comigo?"
Por que eu não avanço?
Pô,  Eu sei o que preciso fazer e simplesmente não consigo fazer. "

"Eu sei que preciso comer melhor, mas depois de alguns dias cozinhando e preparando as minhas refeições de alguma forma esqueço ou bate preguiça e paro.

"Eu sei que  deveria ir todos os dias na academia mas,  depois de uma semana treinando direito, eu perco o estímulo, sem ver resultados, e fico desmotivada.

"Estou em boa forma, mas tentando subir para um nível de elite de aptidão mas realmente devo ter chegado no meu limite muscular e não avanço há anos...

Bem,acanuda e bacanudo...
Se você se viu em alguma dessas situações acima , então hoje eu preciso conversar com você...seriamente.

senta aí...beba um chá e vamos ter uma D.R.A. ( discussão de relacionamento entre amigos)

Primeiro o que eu diria é CALMA.

Não é só você que passa por isso, pode apostar que muitos atletas de elite também passam, até aqueles que estão no topo hoje em dia tem suas frustrações internas, mas ninguém fala...
Tudo soa lindo e fácil.

Olha o exemplo do campeão 3x consecutivo do Mr. Olympia  Phil Heath...
Ano passado em uma entrevista eu pude ver como foi sofrido o ano dele, a esposa teve cancer de mama, e no meio do tratamento ele precisou viajar inúmeras vezes, ir treinar 5hs por dia, preparar as próprias refeições e cuidar dela.
Ele disse que todas as vezes que saía para treinar pensava em não ir, em voltar para casa pois a via tão frágil no sofá da casa, e ele forte com saúde...Que chorava o caminho inteiro até a academia e rezava para ser com ele e não com ela...
Passavam mil coisas sobre a cabeça...Se estava sendo egoísta, se precisava parar...
Mas ele que sustenta a casa e ainda mais os tratamentos...Ele precisava encontrar forças.
E ela passava essa força, conversando com ele e estimulando a fazer o que ele TINHA que fazer...ela iria ficar boa...
Ela operou sem ele...
Essa mulher foi muito forte e respeitou a profissão do marido...

O que eu quero dizer é...
Qualquer que seja o obstáculo precisamos achar força para termos saúde também...

Quando meu filho era pequeno, eu estava muito feliz...muito mesmo...
Um dia do nada, eu o vi respirando com dificuldade...
Mãe de primeira viagem fiquei confusa, será nariz entupido? Será que engoliu algo e eu não vi? Passou mil coisas pela minha cabeça...
Corri para a emergência...
Passamos 7horas numa situação traumática onde ninguém sabia me responder o que era...
Foi um dos momentos mais difíceis na minha vida :(
Nem gosto de lembrar, vendo meu marido chorando, o cara que me dava força...fragilizado...
Bem,
era asma.
Foi uma crise forte aos 1 aninho e meio.
Melhorou graças a Deus com esteróides...
Mas a minha caminhada começava ali...a partir daquele dia passei a ser mãe de verdade e parei de brincar de boneca...
Trocar roupinhas, colocar lacinhos, sapatinho e papinhas...Tudo isso ficou para trás.
Eu comecei a LUTA.
Não sei te falar quantas vezes precisei ir na emergência de madrugada, e na mãe neurótica me me tornei...Meu casamento estava largado, eu só pensava nisso...Imagina os meus treinos etc..
Eu simplesmente não conseguia aceitar...
Tive síndrome do pânico nessa época...
Fiquei mal de cabeça, acordava de madrugada assustada, ia checar a criança toda hora...
Perdi massa, perdi minha identidade...Já escrevia no blog na época, mas queria passar somente coisas boas, queria que aqui fosse o único lugar onde eu vivia a minha verdadeira identidade de novo...
Passei 3 anos assim...
perdida...Fui a inúmeros médicos...pesquisei...fiz de tudo.
Eu fui parar na emergência 3 vezes achando que estava tendo um ataque do coração por causa da síndrome do pânico, uma médica disse: menina, você é atleta, nova, tem saúde olha os seus exames, não perca isso tudo, lute por você assim como está fazendo com o seu filho...
Ele e sua família precisam de você bem de novo, trace o caminho que você quer seguir, não entre na estrada errada sem volta...A vida passa rápido, daqui há pouco você terá a minha idade e não vai voltar no tempo...
O que você quer para a sua vida?
Tomar antidepressivos?
Eu passo sem problemas...

Me lembro que quanto mais perturbada fica a vida, mais problemas aparecem...
E nessa época eu briguei com algumas alunas da minha Gym,  ...Podem acreditar...kkkk
Fizeram uma fofoca e eu odeio fofocas...Não estava numa boa fase para tolerar nada, picuinhas, mimi...Sou tão na minha, moro longe de todo mundo justamente por isso, quero a minha privacidade,
Então decidi parar de dar aulas e ponto...Pelo menos na minha casa...Pelo menos até eu me redescobrir....


Bem,
Voltei para casa decidida.
a decisão tem que vir do coração, diante lágrimas mesmo...Com força, a força que você acha que não tem, está aí.
Como se entrasse um tornado na sua cabeça, chore, grite e DECIDA de verdade a mudar...


Só assim as coisas acontecem...

Com calma depois de uma semana, eu fui voltando...
Me sentindo EU de novo, aquela menina maluquinha com os pés no chão, que é engraçada, gosta de dançar em casa e vive rindo...

Nessa vibe encontrei um médico Japonês que acertou no tratamento do meu filho.
Nessa vibe eu voltei aos meus treinos.
Nessa vibe eu me organizei...
Quis mudar minha casa, achei que era tempo de renovação de viver novas experiências, então...





Comecei a obra em casa...
Eu mesma quebrei tudo com a ajuda é claro dos profissionais...
olha a minha bolsa ali no canto, eu havia acabado de chegar do mercado, larguei a bolsa , peguei o martelo da mão do cara e fui...
Essa limpeza, estava acontecendo dentro de mim na verdade....
Todo esse lixo que vocês estão vendo fora da minha casa, estava dentro de mim :(





Armei uma barraca, uma mino cozinha na minha academia e dormíamos no jardim...rs
muito frio a noite, chovia muito...molhava tudo...O banheiro era o da minha academia, minúsculo..Do outro lado da casa...De madrugada na chuva se dava vontade de fazer xixi já viu né...
Mas a gente estava feliz.
Muito feliz mesmo...
Nesta época  meu marido também decidiu deixar o patrocínio dele ( 24 anos sendo patrocinado, dinheiro certo na conta todo mês) por que ele queria andar com as próprias pernas...
O patrocinador dele tinha boas pranchas, mas a qualidade não era 100%...Então ele decidiu abrir o próprio negócio, impulsionado pelas minhas decisões de mudanças...
Abriu a GT boards um sonho realizado que precisava apenas de coragem! 
Foi aí que eu abri a consultoria...E ficava trabalhando até de madrugada na barraca.
Por isso no início eu me enrolei com os emails, que fez a consultoria no inicio sabe que era complicado...Uma pena, mas eu estava tentando com todos os meus esforços...
Novo trabalho, nova casa, nova vida...
Tudo decidido em uma semana com muita coragem e medo também...Por que é o medo que te coloca no chão.



Não foi fácil.
Quem passa por obras sabe como é...
Quem passa por mudanças internas também...
Meu filho tinha crises de asmas na barraca por causa da humidade, mas eu já não me abalava mais....cuidava como tinha que fazer e pronto.
Me vi uma MÃE mais forte, mais madura...E não preço.





Minha academia era só caixas, mudanças, sacos de roupas, sapatos mobílias,,,,etc...
Tinha uma mini cozinha ali...
Mas eu treinava ali mesmo, porque não tinha tempo...
Mas estava tudo se organizando e meu corpo respondendo bravamente...
Nesta fase meu abs ficou mais trincado...



Você pode ganhar suas batalhas, a margem de erro é minúscula. Por que não se dar a melhor chance de viver?

Então...
Isso tudo para voltar ao inicio do texto:

"Eu sei que preciso comer melhor, mas depois de alguns dias cozinhando e preparando as minhas refeições de alguma forma esqueço ou bate preguiça e paro.

Não estou dizendo para fazer isso sempre porque não dá.
Nossos dias são complicados, stress, transito...etc..
Então uma boa saída é...
Tire UM dia da semana onde você vê que está tudo calmo, sem pressão...e faça marmitas para 30 dias...
é o jeito minha amiga...
Não cabe no freezer, limpe ele, vai caber muita coisa.
Você não precisa dos alimentos congelados fora das suas marmitas.
escolha potes de vidro com tampa de rosca porque conservam mais, então...7 potinhos ficam na geladeira, já ocupa menos espaço no freezer.

"Eu sei que  deveria ir todos os dias na academia mas,  depois de uma semana treinando direito, eu perco o estímulo, sem ver resultados, e fico desmotivada.

ok.ok...
Não seja radical.
No dia que não tiver a fim de ir, não obrigue ( antes eu achava que sim, que deveríamos obrigar nosso corpo etc..etc..) mas treinar cansada e sem estímulo só faz você pensar que está desmotivada e nem sempre é isso...trazendo esse pensamento com você dia a dia uma hora você desiste...
Então:
escolha 3x por semana para ir treinar sem dias certos...
faça os outros 3 dias exercícios outdoor, em casa, na praia etc...
Tudo que seja mais prazeroso, que una o agradável ao útil.
Pegue leve com você...
Está fazendo por prazer e não obrigação...
Não gosta de musculação?
Gosta do que?
dançar?
Vai dançar...


"Estou em boa forma, mas tentando subir para um nível de elite de aptidão mas realmente devo ter chegado no meu limite muscular e não avanço há anos...

Esse comportamento típico de quem já está forte e sarado e quer mais e não consegue...
reveja TUDO.
tem certeza que o fator "catabolismo"não está rondando você de alguma forma???
Tem dormido 8hs por noite profundamente?
Agora, cada DETALHE é crucial para não catabolizar...
aquele molho na salada?
aquele pitada de sal a mais?
aquela refeição que escapou ontem e up's hoje de novo...
aquele adoçante no café do escritório?
O stress que vc não elimina com suplementos ou meditação em casa?
Aquela cerveja no final de semana?
simples coisinhas que antes podiam...e agora se quiser subir seu nível terá que prestar a maior atenção...senão ficará na mesma...O que não é ruim porque já está sarada(o) mas......é questão de decisão....

Espero ter ajudado mais um pouco hoje...
Um super beijo
e até +
Dani :)









5 comentários:

  1. Com certeza ajudou muito. Tem sido grande motivação.. Parabéns pelo trabalho e pelas conquistas. GRATA.

    ResponderExcluir
  2. ���������� meu Deus... tô falando que vc é um anjo enviado... Estou me vendo no seu post...ou melhor estou passando por algumas dificuldades... nem consigo usar palavras no momento... só mais e mais admiração. Isso foi um chacoalhao.

    ResponderExcluir
  3. It's amazing how the people who go thru the most turbulent storms come out with no visible scars. Instead they look like life has always been like a big box of chocolates.

    ResponderExcluir
  4. Fantástica Dani, tenho muito admiração por você!!
    Que mulher forte, querida e determinada, você vai longe. De todas as blogueiras fitness que eu já vi, você é minha favorita, e ainda me pergunto como assim que você não está mais nos holofotes do que outras que muitas vezes estão apenas aproveitando o modismo do fitness em alta. Mas já notei que você faz por amor e não por fama, por isso acredito que sua vitória será ainda maior do que tudo de incrível você já conquistou, eu creio que DEUS tem algo muito grande para te surpreender e te realizar ainda mais. Agradeço por nos incentivar, sempre tão atenciosa e verdadeira, verdade que se nota nas palavras que escreves. Amei esse post e me deu um sacode, um incentivo para tomar uma decisão de seguir em frente sobre algo que já venho trabalhando em cima há muito tempo, vou com tudo. Obrigada sua linda :))

    ResponderExcluir
  5. Eu simplesmente adorei esse post dani! Parece que suas palavras vieram na hora certa. Achei muito bonito, humano e motivador tudo o que foi dividido com a gente. Te admiro mais! bjo

    ResponderExcluir