segunda-feira, 19 de março de 2018

Série - Organize-se - Crianças e o senso de responsabilidade - parte 1


Oioioi Bacanudas,

E o ano começa para mim..rs
Pelo menos aqui no Blog né...

Engraçado que esse modesto bloguinho ainda tem muitasss visualizações e isso me dá motivação para continuar...

Muitas meninas me perguntam como faço com a organização da minha casa e vida...
Então, resolvi escrever aqui um pouco sobre isso.

Não tenho empregada, ajudante nenhuma, babá e nem ninguém para fazer as coisas por mim, como ir ao banco, mercado, secretárias etc...

Sou eu e o Guilherme dividindo tudo!
Nessa mini série vou falar também como é a educação americana, como estamos criando as crianças, diferente de como fomos criados ( eu e ele)...

Vamos lá...

Primeiro "episódio" da série:  ORGANIZE-SE






Louça suja. Quartos desarrumados. Brinquedos no chão da sala de estar. Alguns dias, não há mesmo como evitar...Quando as minhas crianças eram pequeninas eu fazia O DIA DA BAGUNÇA...
Não tinha um dia certo para esse "evento" mas pelo menos uma vez na semana era uma regra minhas...REGRAS.
Vocês irão ouvir essa palavra aqui nessa série toda hora...
bem,
Nesse dia eu pegava todos os brinquedos, livrinhos e roupas e espalhava na sala...Espalhava mesmo, era uma FESTA.
As vezes eu colocava os brinquedos de pelúcia em uma caixa grande, subia na cadeira e jogava encima deles...Nossa que farra!!!
Só, que o que meus pequenos não sabiam, era que começava ali um senso de organização e arrumação...Porque depois de muito brincarem, eu e eles arrumávamos tudo bonitinho, e organizávamos em caixinhas ítens grandes, pequenos e médios...de pelúcia, de borracha etc...Além de ensina-los a ter disciplina, eles treinavam motora fina...

Eu sempre fui bagunceira, tinha a vovó que arrumava para mim, minha mãe sempre teve empregada, então eu não fazia nada...nada...
Até os 27 anos eu tive tudo, daí casei.
E vim morar nos EUA.
Um choque...

Choque de realidade mesmo.
TUDO muito diferente, a educação completamente diferente...
Começando pela casa em que eu fiquei hospedada no início ( antes de comprar a minha)...Nós pagávamos a estadia ( nada barata) e eu estava grávida da Kim.
A dona da casa, uma senhora com os seus 70 anos, me pedia ajuda para passar pano e aspirador de pó na casa toda, pedia ajuda para o Guilherme para lavar os carros dela...
Oi?
Enquanto era apenas um pedido de ajuda, tudo bem...Mas se tornou diário ( esse pedido)
Todos os dias eu tinha que fazer algo na casa, e o Guilherme também...
Até que um dia teve um almoço e as filhas dessa senhora vieram visitá-la, participar do almoço em família, fomos convidados e foi ali que eu percebi que aqueles pedidos de "ajuda" faziam parte da educação americana e ponto. ( Não são todas as famílias que fazem isso, mas aqui no Hawaii vejo muito)

Pois bem,
As filhas me contaram que aos 16 anos já podem dirigir e para terem carro começam a trabalhar, em casa, fazem o serviço de casa ( aprendem a cozinhar, arrumar, lavar etc..etc...) e "pagam" o aluguel do quarto...

Se quiserem continuar morando com os pais terão que "pagar" ( nem sempre em dinheiro) o aluguel de seus quartos.

Logo, começam a trabalhar em algum lugar...subway, mac donald's, starbucks...Para comprarem seus carros e logo saírem de casa...
As escolas tem incentivo de esportes, o que te leva para as universidades...
As crianças são "forçadas" a saírem de casa cedo, vão para Mayland estudar.

Aqui não tem empregada, então precisam aprender em casa.

Pois bem,
Todas as pessoas que pagavam aluguel naquela casa ( era como se fosse uma pensão) alugávamos os quartos...Faziam algo na casa.
Todos os dias eu via pessoas ou, pintando uma cerca, ou regando o jardim etc...etc...

Senso de comunidade...
O que parecia exploração no inicio para mim, começou a soar como senso comunitário, ajuda, manutenção do local onde morávamos...Estava sempre limpo,  organizado, pintado...

Passei a olhar com outros olhos para as coisas.
E a querer incorporar essa nova maneira de pensar em mim.

Velzyland Hawaii





.........

Foi ótimo.
Aprendi muito e desde que me mudei para a minha primeira casinha, incorporei tudo.
Passou a fazer parte de mim, como se eu tivesse sido educada assim a vida inteira.

........

Reconheça a diferença entre uma tarefa (uma tarefa contínua que beneficia o lar) e uma habilidade vitalícia (uma atividade que as crianças devem saber como fazer antes de terem "vida" própria, é como gerenciar uma conta corrente). A lista a seguir não é uma lista de verificação de habilidades para a vida. É uma lista de tarefas apropriadas à idade.

..........

Clique Aqui tem um gráfico de tarefas por idade, é como eu faço e pretendo continuar fazendo com a educação deles...
se você for mãe e quiser ler, será bem vinda...Se não concordar tudo bem ;) 

............

Como EU faço?

Parte 1

Eu Faço o trabalho doméstico conforme necessário, sério...
Não tenho dias específicos, mas normalmente é assim:


DOMIMGO - 1- lavo as roupas, principalmente uniformes ( compro 6 blusinhas, 5 shortinhos...) um para cada dia mesmo, vou juntando os sujos num cesto.

Aqui felizmente é baratinho e posso comprar...
Roupas nos EUA é muitooo barato!

2- Faço o feijão das crianças reforçado com brócolis, a carne moída, os frangos para a semana inteira...Deixo na panela elétrica de pressão e quando pronto, tempero e congelo...pronto!

3- A minha alimentação sou eu quem monto, então faço tudo bem simples para ser rápido.

domingo é dia de folga, e bagunça na cada....Essas fotos da bagunça foram tiradas no domingo.


Segunda-

Dia de escola, de treinos, de dar aulas, de mexer no instagram, de trabalhar online, de ter reuniões e de.....LIMPAR A SALA.

Como eu disse, não tenho dias certos para os afazeres da casa, mas gosto de tudo arrumado, então segunda geralmente arrumo tudo logo de manhã...Depois que levo eles na escola.


cozinha dorme arrumada todos os dias, é uma regra de vida.


Cantinho do café 


O meu café da manhã faço questão de tomar assim...quieta, lendo, com tudo arrumado.





Terça-

1-  Faço o trabalho de quintal conforme necessário...

Também não tenho um dia certo, porque o jardim está sempre intacto...a não ser pelo gramado que cresce toda semana e as vezes não fazemos...Fica com um aspecto feio, mas aqui no meu bairro a gente leva multa se não cuidar...acredite, funciona.

Gosto das cercas brancas, gosto da grama cortada, gosto da minha mesa amarela...e de comer a noite lá no verão...Então, cuido.

2- Limpeza profunda de eletrodomésticos, também conforme necessário...se vejo sujo, limpo.

3- Na maioria do tempo, cuido das pequenas coisas...e o Guia das grandes ( telhado, garagem, eletricidade etc...) Não que eu não saiba fazer, é porque dividimos assim...Prefiro.

Quarta- quinta e sexta - dedicação aos esportes das crianças, meus treinos, meu trabalho online...
as crianças me ajudam conforme o gráfico no link e idade deles, o Guilherme ajuda, tentamos manter a ordem na casa durante esses dias, com uma bagunça saudável e necessária né...rsrs

sábado - vamos a praia, vamos passear...Bagunça geral!!! a foto do quarto da Kim foi tirada no sábado de manhã...eu deixo, não sou chata a ponto de gritar por causa de uma baguncinha..Mas ela precisa ter senso de cuidado com as coisas, não deixar roupas no chão porque estragam e custaram dinheiro, limpar maquiagem, higiene etc...
Depois arruma para se sentir bem.

PREGUIÇA é um sentimento do mal.
acredite...
sentiu preguiça? não é de Deus...mexa-se, manda para fora, sai desse corpo...

As coisas andam com organização...sem preguiça...
só assim.

beijinhos e até a próxima matéria.

Dani ;) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário